menu
Santa Cecília do Pavão - PR. | Whatsapp: 4391376555
Nick Azevedo
Santa Cecília do Pavão - PR
PROTESTO
CIDADES
CIDADES
PROTESTO
Postada em 21/02/2017 ás 07h25 - atualizada em 21/02/2017 ás 07h25
Por melhorias nas estradas rurais, assentados se mobilizam em São Jerônimo da Serra
Moradores dos Assentamentos Amélia e Carolina, em São Jerônimo da Serra bloqueiam a estrada
Por melhorias nas estradas rurais, assentados se mobilizam em São Jerônimo da Serra

(Foto: Colaboração /Andrielle)

Moradores dos Assentamentos Amélia e Carolina, em São Jerônimo da Serra bloqueiam a estrada que dá acesso ao município e inclusive retiveram o ônibus do transporte escolar rural. A intenção, de acordo com manifestantes, é chamar a atenção da administração pública quanto a necessidade de melhorias nas estradas rurais que dão acesso aos assentamentos, bem como pedir uma atenção maior para a população.



Uma das moradoras do Assentamento Amélia, relata que “está cada dia mais complicado chegar no município”. “As estradas não têm condição nenhuma. Carro não passa. A gente mora no assentamento e se alguém fica doente e tem que correr para o médico é perigoso morrer no caminho, porque se não tiver um trator para puxar não tem como andar”, relata. “É carro quebrando, carro que fica no meio do caminho parado no barro. Está bem complicado”, acrescenta.



Ela contou que no Assentamento Amélia são 35 famílias, no Carolina são mais 30. “Ao todo, são pouco mais de 100 pessoas”, diz. A moradora relata também que foram vários pedidos à Administração para que providências fossem tomadas em relação ao problema da estrada. “Estamos cansados, toda vez que vamos à Prefeitura eles dizem que amanhã a máquina vai arrumar a estrada, mas nunca vai”, diz. “Inclusive a gente está sabendo que já existem as pedras para colocar na estrada, porque teve uma doação e um fazendeiro, mas até agora nada”.



Prefeitura



O secretário de Administração da Prefeitura de São Jerônimo da Serra, Altamir Borges Sampaio, disse que a Prefeitura tem conhecimento do problema envolvendo as estradas rurais. “Nós temos 2.548 quilômetros de estradas rurais no município, estamos atendendo todas na medida do possível. Somado a grande extensão, ainda temos uma frota sucateada”, destaca. “O que falta as pessoas é paciência. Vamos atender todos, mas não da para fazer tudo ao mesmo tempo”, acrescenta.    



Sampaio ainda relatou que o período de colheita somado a períodos de chuva, são realmente problemáticos. “Chove e os moradores colocam tratores e máquinas nas estradas rurais. Quando para de chover vamos com maquinário, patrolamos e arrumamos, mas, ai chove de novo”, conta.



O secretário comentou ainda que são nove assentamentos no município e que a administração atende todos. “Volto a dizer, é preciso ter um pouco de paciência”.



Ele afirmou que está previsto no calendário de obras da Prefeitura que as máquinas irão trabalhar na estrada de acesso ao Assentamento Amélia na quarta-feira (22).


leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Qual sua expectativa em relação ao novo(a) prefeito(a)?

Péssima
45 votos - 33.6%

Ótima
45 votos - 33.6%

Mais ou menos
44 votos - 32.8%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium