menu
Santa Cecília do Pavão - PR. | Whatsapp: 4391376555
-
ESPORTES
ESPORTES
Postada em 01/06/2016 ás 10h24 - atualizada em 01/06/2016 ás 10h24
COM APAGÃO, FALHA NA DEFESA E PÊNALTI PERDIDO, LONDRINA EMPATA COM O PARANÁ
COM APAGÃO, FALHA NA DEFESA E PÊNALTI PERDIDO, LONDRINA EMPATA COM O PARANÁ

Marcos Zanutto/Grupo Folha

Em uma partida com muitos ingredientes, o Londrina empatou em 1 a 1 diante do Paraná Clube, na noite desta terça-feira (31), no Estádio do Café, pela quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Durante a partida, que teve apagão dos refletores e da defesa alviceleste, o Tricolor abriu o marcador com Robson no primeiro tempo. Na etapa final, Keirrison desperdiçou um pênalti, entretanto, conseguiu se redimir e empatou o clássico paranaense.

"Fizemos uma proposta de jogo e acabamos pecando e um lance que o Paraná aproveitou para marcar e depois tivemos que correr atrás do prejuízo. O importante foi ter conquistado um ponto e não sofrer a derrota dentro da casa. Agora iremos durante a semana trabalhar para buscar a vitória contra o Tupi", afirmou o zagueiro Sílvio.

Com o resultado, o Londrina soma seis pontos enquanto o Paraná chega aos 8. Na sexta rodada da Série B, o Londrina encara o Tupi, novamente no Estádio do Café, no sábado, dia 4 de junho, às 16 horas. O Paraná Clube, por sua vez, terá pela frente o Vila Nova, fora de casa, na sexta-feira, dia 3 de junho, às 20h30.

O JOGO:

Antes da bola rolar, mais uma vez nesta temporada, o Café teve um apagão. Foi a terceira vez neste ano. Anteriormente, a praça esportiva ficou sem energia na partida contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, e, na sequência, contra o Náutico, pela Série B do Brasileirão. Por conta do descaso, o Londrina e a Federação Paranaense de Futebol (FPF) serão julgados pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Após a bola rolar, o Paraná teve a chance de abrir o marcador logo no primeiro minuto. Leandro Silva fez boa jogada individual e cruzou na área mas Marcelo Rangel desviou e tirou a bola dos pés de Robson. Na sequência, aos cinco minutos, um novo apagão deixou o Café na escuridão. Depois de 14 minutos de paralisação, a bola voltou a rolar.

Com o retorno, o Paraná Clube precisou fazer duas substituições. Saíram Rafael Carioca e o goleiro Marcos e entraram Fernandes e Uendel. Logo depois, o Londrina levou perigo ao gol paranista. Raí Ramos fez o cruzamento, Pitty desviou e a bola bateu no travessão tricolor.

Aos 32 minutos de jogo, o Paraná abriu o marcador após um apagão da defesa alviceleste. Raí Ramos e Sílvio não se comunicaram e a bola sobrou para Robson que, livre de marcação, driblou Marcelo Rangel, e estufou as redes do Tubarão.

Aos 45, Murilo arriscou de fora da área e mandou no travessão do goleiro alviceleste. Depois do susto, Claudio Tencati mudou o Londrina. Saiu Diogo Roque e entrou Paulinho Moccelin. O Londrina levou perigo ao gol de Uendel somente no minuto final de partida quando a bola sobrou para Germano que arriscou de longe e a bola passou perto do gol paranista.

No segundo tempo, logo aos 45 segundos, Paulinho Moccelin recebeu passe dentro da área e chutou para fora e desperdiçou bela oportunidade de empatar o jogo. Aos 8 minutos, Jô recebeu lançamento e o goleiro Uendel derrubou o atacante alviceleste e arbitragem anotou pênalti para o Londrina. Na cobrança, Keirrison bateu e o goleiro paranista defendeu.

Aos 15, Netinho entrou no lugar de Zé Rafael. Um minuto depois, após escanteio de Netinho, a bola sobrou para Keirrison que conseguiu chutar e balançou as redes paranistas. Após o empate, Matheus falhou e a bola sobrou Uchôa que chutou e desperdiçou uma chance inacreditável para colocar o Paraná na frente do marcador. Aos 21, Robson recebeu lançamento, driblou Sílvio e errou a finalização e perdeu nova oportunidade de estufar as redes.

Aos 27, Jô deixou o gramado e entrou Bruno Batata no Londrina. Depois da mudança, o Londrina apenas levou perigo aos 39. Paulinho Moccelin fez o cruzamento e Keirrison errou o desvio e o Tubarão perdeu boa oportunidade. Aos 46, após contra-ataque, Diego Tavares recebeu lançamento e chutou fraco e Marcelo salvou o Londrina. Na sequência, depois de escanteio, Uchôa chutou e o camisa 1 alviceleste garantiu o empate do Tubarão.
FONTE: O BONDE
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
mais lidas do mês
Enquete
Qual sua expectativa em relação ao novo(a) prefeito(a)?

Péssima
45 votos - 33.6%

Ótima
45 votos - 33.6%

Mais ou menos
44 votos - 32.8%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium